Comunicadores Cristãos agora têm entidade de representação


A primeira assembleia de constituição da Associação Brasileira de Comunicação Cristã (ABCC) aconteceu na quarta-feira, 9/2, em São Paulo, com a presença de diversos profissionais e empresários de comunicação evangélicos. Além da constituição da entidade, a reunião teve como objetivo discutir a atual condição da mídia e dos comunicadores cristãos, bem como propor a linha de atuação que norteará os trabalhos da ABCC e propostas de representação da classe empresarial e profissional.

Dentre as atividades a serem desenvolvidas pela associação estão: promover qualificação técnica e profissional; promover consultoria e suporte jurídico, fiscal e de projetos; promover a ética no meio; promover questionamentos, debates, treinamentos, workshops e pesquisas, com objetivo de fortalecer e capacitar o setor midiático, muitas vezes fragilizado e desestruturado. Tudo isso voltado para profissionais de comunicação cristãos que trabalham na mídia gospel e tradicional, profissionais das mídias denominacionais, pastores comunicadores, empresários e veículos de comunicação evangélicos.

O surgimento da ABCC vem ao encontro de interesses destes grupos profissionais e empresariais, que em sua grande maioria ficavam isolados e dispersos, sem auxílio para suas diversas dificuldades na carreira e de gestão nos negócios de comunicação. A associação nasce, portanto, como suporte e instrumento agregador para o setor e com a missão de alertar os que estão usando a mídia cristã de forma equivocada.

“Nosso maior interesse e objetivo é fortalecer os profissionais e as mídias cristãs, para que eles possam continuar prestando bons serviços para proclamação do Reino”, resumiu Eduardo Berzin, eleito presidente da ABCC, para o biênio 2011/2013.

Além de atividades voltadas à comunidade profissional e empresarial, a ABCC também irá proporcionar visibilidade para o segmento evangélico – cada vez mais crescente e constituído por consumidores de notícias de seu interesse, além de produtos e serviços de toda espécie. Esse grupo forma parte significativa da população brasileira, distribuídas em todas as profissões e atividades, classe social, política, acadêmica etc. e é alvo das empresas, prestadores de serviços e agências de publicidade que não conseguem comunicar-se ou aproximar-se dele de forma adequada, uma vez que não o conhece, pois é influenciado e transita pelas mais diferentes nuances eclesiásticas.

Funcionamento
A Associação Brasileira de Comunicação Cristã funcionará com grupos de trabalho junto aos seus associados e desenvolverá projetos focados em todas as mídias, como televisão, rádio, publicações impressas e eletrônicas; e profissionais, como jornalistas, assessores de imprensa e relações públicas, designers, editores, produtores de conteúdo, de vídeos e de shows, fotógrafos, publicitários entre outros.

Para levar todos os seus projetos a cabo, a ABCC tem uma diretoria, constituída na primeira assembleia, formada pelos seguintes nomes: Eduardo Berzin, presidente; Marcos Corrêa, vice-presidente; Adriana Bernardo, 1ª secretária e diretora de Comunicação; além de diretores para atender e desenvolver planos de ação para diversas áreas na entidade, entre eles: Marcelinho Machado, relações públicas; Kelly Conde, televisão; Ibraim Gustavo, rádio; Magno Paganelli, editor; Rogério Barrios, diretor de arte; Mônica Cintra, mídia impressa; Oséias Brandão, mídia digital e novas mídias; Joice Camargo, pesquisa; Edmilson Doninha, captação; Maurício Soares, publicidade e marketing; Dr. Marcos Soler, Jurídico; José Carlos Bernardi, jornalismo.

Para Bernardi, a ética é como um farol que guia o navio em sua navegação. “Essa deve ser também a função da associação, um farol para direcionar seus associados”. O jornalista também disse que a entidade deve ter poder para esclarecer pensamentos errôneos que a mídia tradicional, por desconhecimento ou preconceito, publica sobre o segmento cristão evangélico.

Lançamento
A Associação Brasileira de Comunicação Cristã será lançada oficialmente em Sessão Solene que acontece no dia 28 de fevereiro, às 20h, na Assembleia Legislativa de São Paulo. Na cerimônia, solicitada pelo deputado José Bruno, estará presente todo o quadro diretivo da instituição, bem como convidados especiais, entre os quais, pastores-presidentes, líderes evangélicos, autoridades parlamentares e governamentais, profissionais e empresários de comunicação cristãos, entidades e instituições que usam a comunicação cristã em suas atividades.

A entrada na solenidade, que acontece no Plenário Juscelino Kubitscheck, é livre a todos que têm interesse ou fazem parte do segmento de comunicação.

Assessoria de Imprensa
Associação Brasileira de Comunicação Cristã / ABCC
assessoria@ebfeventos.com.br

"As opiniões ditas pelos colunistas são de inteira e única responsabilidade dos mesmos, as mesmas não representam a opinião do Mídia Cristã e demais colaboradores".

Você também irá gostar

0 comentários